Nosso metabolismo, no início da vida, costuma ser bastante acelerado, todos os processos do organismo ocorrem rapidamente. Mas, com o passar dos anos, acontece uma desaceleração, que gera algumas consequências, como o aumento de peso. Saiba mais!

Quando somos jovens, temos geralmente um metabolismo bastante acelerado, tudo funciona muito bem e muito rápido. Porém, podemos perceber facilmente que, com o passar do tempo, quando vamos ficando mais velhos, nosso metabolismo tende a desacelerar, os processos vitais já não acontecem na mesma velocidade de antes, e isso pode ser prejudicial a algumas pessoas. Mas, em primeiro lugar, para entendermos como tudo isso ocorre, vamos definir o que é, de fato, o metabolismo.

O que é metabolismo?

Chamamos de metabolismo o conjunto de processos bioquímicos que ocorrem no nosso organismo, responsáveis por funções imprescindíveis, como, por exemplo, a quebra de compostos orgânicos para a produção de energia. A velocidade do metabolismo de cada pessoa já está predefinida desde sua formação dentro da barriga de suas mães, isso já está codificado no nosso DNA, ou seja, é algo que não podemos mudar. De fato, como já falamos, ocorre uma diminuição na velocidade desses processos quando estamos em idades mais avançadas, mas como será que isso acontece? Vejamos…

O metabolismo realmente muda depois dos 30 anos?

Muitas pessoas acreditam que a principal causa daquelas gordurinhas a mais que aparecem depois dos 30 anos – e que não somem nem por um milagre – são por culpa da desaceleração do metabolismo, ou seja, da queda na velocidade com que ocorrem os processos fundamentais para a nossa vida. Realmente, a partir dessa idade é normal que aconteça essa desaceleração, No entanto, o único culpado dessa história toda não é o metabolismo, existem outros fatores importantes que influenciam no ganho de peso a partir dessa faixa etária.

Um dos fatores que mais influenciam nesse processo é a prática de atividades físicas. Quando chegamos aos 30 anos, geralmente já não praticamos tanto exercício físico como antes, ou até com a mesma frequência, o que acarreta o ganho de peso. Se não praticamos atividades físicas, o corpo não consegue queimar as calorias, e, como o metabolismo já não funciona mais 100% como antes, a gordura fica ali, estacionada, sem querer sair do lugar. Além disso, alimentar-se bem, evitar comer alimentos muito calóricos também ajuda – e muito – na velocidade do metabolismo.

Existem, ainda, outros fatores essenciais, que ajudam a acelerar o metabolismo depois dos 30 anos. São eles:

  • Comer de 3 em 3 horas;
  • Beber bastante água, de 2 a 3 litros por dia, pelo menos;
  • Ter boas noites de sono, já que dormir mal influencia muito no aumento de peso;
  • Manter o estresse o mais longe possível, já que isso também tem total relação com o ganho de massa gorda;

Portanto, chegamos à conclusão que o metabolismo muda, sim, com o passar dos anos, principalmente após os 30, mas ele não é o único culpado. Se mantivermos uma vida saudável, regrada, com uma boa alimentação e com a prática de exercícios físicos, conseguiremos manter a velocidade do nosso metabolismo por muitos anos.

Deixe um comentário

© Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvido por Odara Digital