Individualização dos Métodos Contraceptivos

  • O papel da mulher no controle familiar.
  • Não existe método perfeito.
  • Atualmente 57% da gestação nos Estados Unidos não são programadas.

Métodos

1. Tabela - Falha em 20% dos casos. Exige abstinência de 10a 20 dias no mês. Exige ciclo menstrual regular.
-Pode ser acoplado à métodos de impedimento mecânico.
-O método é baseado no fato que um óvulo pode ser fecundado por 24 hs - mas não se pode esquecer que um espermatozóide pode sobreviver de 3 a 7 dias no organismo feminino.
-Deve-se evitar completamente o ato sexual sem proteção na primeira metade do ciclo.
-Outras atividades sem coito são possíveis.
-Método de avaliação do muco cervical.
-Muco (clara de ovo). Prediz ovulação - sofre interferência feminina de espermicidas, creme vaginais ou lubrificantes.
2. Contracepção hormonal - Pílula anticoncepcional.
3. Contracepção hormonal - Por barreira mecânica, camisinha, diafragmas.
4. DIU
5. Pílula do dia seguinte
6. Esterilização
7. Aborto

Pílula anticoncepcional

  • Vantagens: Contraceptivo contínuo. Reversível
  • Desvantagens:

Tem que ser tomada diariamente.
Aumenta o risco de coágulos sanguíneos, infarto, AVC, especialmente em fumantes, aumenta o risco de câncer de mama (após 40 anos).
Efeitos colaterais: náuseas, aumento de peso, cefaléias.
Efetividade: 99% ou +.
Contra-indicação - paralisias de membros inferiores.

Injeções de Depo

  • Vantagens

Contraceptivo contínuo.
Reversível
Não há necessidade de administração diária.

  • Desvantagens

    Consultas a cada 3 meses para administração.
    Diminui a fertilidade após a suspensão da medicação.
    Aumento de peso - sangramento irregular.
    Efetividade - 99% ou +.

Preservativo Sozinho

  • Vantagens

    Fácil obtenção
    Barato
    Melhor método para prevenir doenças sexualmente transmissíveis.
    Bons resultados quando usado com espermicida.
  • Desvantagens
    Pode reduzir prazer.
    Diminuir a espontaneidade sexual.
    Podem romper.
    Necessita concordância do parceiro do parceiro masculino.
    Efetividade - 88 - 98%

Diafragma ( com espermicida)

  • Vantagens
    Pode ser inserido até 6 horas antes da relação.
    Não invasivo
    Baixo custo
  • Desvantagens
    Tem que ser mantido até pelo menos 8 horas após a relação.
    É necessário recolocar o espermicida para nova relação.
  • Desconforto
    Demanda auto-colocação.
    Aumenta o risco de infecções urinárias.
    Efetividade - 82 a 94%

Espermicida (Sozinho)

  • Vantagens
    Fácil de obter e usar.
    Bons resultados quando associado a cápsulas, camisinha e diafragmas.
    Barato.
  • Desvantagens
    Exige aplicação, meia hora antes do ato sexual.
    Reaplicação para cada ato sexual.
    Derrama.
    Alergia.
    Aumenta o risco de infecção urinária principalmente com os diafragmas.

    Efetividade 79 a 97%.


Pílula do dia seguinte

  • Desvantagens
    Precisa ser utilizado até 72 após o coito sem proteção.
    É hormônio.
    É caro.
    Exige tomada de 2 comprimidos, cada um com 12 horas de intervalo.
    Associada com estrogênio
    Náuseas
  • Vantagens
    Não é abortivo
    Pode ser usado na emergência


Esterilização

Ligadura de trompas

  • Vantagens
    Contracepção contínua
  • Desvantagens
    Permanente
    Procedimento cirúrgico
    Aumenta o risco de miomas uterinos
    Trauma emocional
    Histerec Trauma emocional
    Histerectomia -

    Efetividade - 99% ou mais

Aborto


Antigo na história da humanidade.
Alta mortalidade
Alto custo
Trauma emocional

Imprimr esta página